Juventude: sinónimo de inquietude

[dropcap size=”500%”]A[/dropcap]

s grandes evoluções das sociedades ocorrem com os jovens, sempre assim foi e continuará a ser. O caminho nunca é fácil, mas tem de ser feito. A sociedade por que hoje lutarmos será aquela em que viveremos no futuro.

Num contexto em que muitas pessoas estão desanimadas com a política, é evidente que muitos jovens também partilhem deste sentimento, tal como se perguntarmos a muitos jovens o que acham da política, grande parte deles afirmam que não gostam, mas quando se trata da participação social, grande parte deles já nos dira que é importante. E importante também é perceber que participar é também este, um acto político se ampliarmos a noção de política para a ideia de participação pública e colectiva.

Talvez a forma como muitos políticos, têm tratado as questões públicas faz com que desacreditemos que qualquer mudança seja possível, tal como os media também contribuem para esta ideia de política, valoriza-se muito a corrupção e muito pouco (ou quase nada) as boas ações políticas e os meios de comunicação social tendem a coloca-los a todos no mesmo saco. Se se conhece apenas maus exemplos, o descrédito dos jovens a esta política acabará por ser natural.
O que é importante entender daqui, é a tão grande responsabilidade que nós, jovens, temos na nossa sociedade e no rumo que ela vai tomar.
As questões públicas que atravessam as nossas vidas como o desemprego, a qualidade na educação são algo que diz respeito aos jovens e para isso não basta uma ação individual, mas uma ação pública, ou seja, uma ação política. O voto é uma das formas de participar, bem como a participação em juventudes politicas.
Afinal de contas, aqueles que contribuirão para mudar o rumo da história virão das novas experiências culturais de coletivos juvenis, virão de jovens, como nós, que aprenderam que para a mudança ser conquistada lá fora, ela precisa de estar primeiro dentro de nós.

Nicolle Lourenço

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *