Investigação e o “Portugal 2020”

[dropcap size=”500%”]D[/dropcap]

a ultima vez que escrevi neste blog expressei duas ideias quanto à possibilidade de investimento em inovação no nosso país, essas assentavam no princípio de investimento público vs investimento privado fazendo uma pequena analise de prós e contras de ambos tipos de investimento, portugal até à data não tinha mostrado interesse significativo em investir de forma substancial neste tema.

Agora, e passados um ano depois da minha publicação aconteceram algumas alterações de paradigma no que a financiamento para investigação diz respeito, pois com a nova vaga de fundos comunitários, o “Programa Portugal 2020”, este tema teve uma atenção especial por parte do governo anterior aquando da delineação estratégica dos fundos, reconhecendo a importância do melhoramento do tecido empresarial português através da investigação, o objectivo é aumentar o investimento empresarial em atividades inovadoras, nomeadamente, ao nível do produto, dos processos, dos métodos organizacionais e do, aumentando a competitividade nacional e a capacidade de internacionalização. E procederá com atribuição de financiamento a projectos empresariais que reúnam as características estipuladas em regulamento próprio.

Esta actualização mostra que o investimento público neste tema foi uma aposta portuguesa revelando que estamos atentos à necessidade de investigar de modo a acrescentar valor a produtos e até mesmo desenvolver produtos novos, estou certo que este investimento trará os seus frutos a médio e longo prazo, estarei atento a mais actualizações que possam ocorrer, com o compromisso de transmiti-las neste mesmo espaço de opinião.

Jorge Pereira

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *