Boas Festas | balanço do ano da JSD Pombal

[dropcap size=”500%”]E[/dropcap]

stamos a chegar ao fim de 2014, um ano marcado pela saída da troika de Portugal e, consequentemente, pelo restabelecimento da soberania nacional, ainda que limitada pelo tão exigente caminho que continuamos a percorrer, mas que tão bem tem sido trilhado pelo Governo liderado por Passos Coelho.

Este ano que agora termina foi também o primeiro ano de mandato da actual comissão política da JSD Pombal, iniciado em finais de 2013. Assim, nesta época festiva, importa também fazer uma retrospectiva do ano que passou.

A JSD Pombal lançará nos próximos dias uma newsletter, para aí registar a sua actividade política, a qual sempre procurou pautar por uma tónica construtiva, positiva e inovadora. Aí reunirá as propostas que apresentou ao executivo camarário e em assembleia municipal, assim como outras actividades e iniciativas.

Contudo, importa aqui destacar as mais relevantes acções e iniciativas por nós materializadas. Entendemos que a acção politica por excelência é aquela que procura conceder mais e melhores condições à população, lutando não só por trazer novas valências, mas também por melhorar o que já temos e que talvez não aproveitamos.

Deste modo, apresentou a JSD de Pombal várias propostas, para as quais contou com o apoio imprescindível do seu Gabinete de Estudos (criado pela actual comissão política), liderado pela Daniela Rosa e para o qual muito contribuiu o João Gante. Destacar desde logo a proposta de regulamento para o Orçamento Participativo, o renascimento da Casa Varela e criação de um espaço polivalente através da proposta in Pombal, a criação de um Geotour, aproveitando um fenómeno crescente como o geocaching para fomentar o turismo e. já recentemente, a proposta de modelo para a ETAP, apostando na especialização como modelo educativo.

Esta tem sido a nossa forma de fazer política nos últimos anos, rejeitando uma atitude passiva e inerte na qual tantos outros se escudam. Sempre juntámos actos às palavras, assumindo riscos e muitas vezes remando contra a corrente.

De relevar também a criação de dois núcleos dentro da estrutura concelhia, um em Abiúl e outro no Oeste, ambos constituídos por mais de 50 elementos. Esta descentralização é fundamental, permitindo uma acção mais directa e pertinente nas freguesias e lugares mais afastados da cidade mãe do nosso concelho, tendo já ambos os núcleos levado a cabo várias iniciativas. O núcleo de Abiúl abordando a questão da toponímia e propondo a criação de uma Infoteca, e o do Oeste propondo também a criação de um espaço para que os jovens possam estudar e aceder a livros e computadores.

Por último, importa salientar um acontecimento recente, como que a cereja no topo do bolo delicioso que foi este ano de 2014 para a JSD Pombal. A eleição de 4 dos seus militantes para os órgãos nacionais da JSD, assumindo posições de destaque, são o reconhecimento do seu trabalho, dedicação e, acima de tudo, da sua qualidade. Ao Pedro Brilhante, Renato Guardado, João Antunes dos Santos e Telmo Gaspar desejar o melhor, sabendo que estarão à altura da responsabilidade e dizer que sempre terão por trás a estrutura que vos fez mas que também fizeram.

Um Bom Natal e Próspero Ano Novo

A Comissão Politica da JSD de Pombal

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *