O Ano do GeoTour

[dropcap size=”500%”]N[/dropcap]

o passado ano, foi apresentado pela JSD de Pombal uma proposta a Camara Municipal de Pombal no sentido da criação do primeiro Geotour da Península Ibérica, a qual chamamos de “GeoTour do Marquês de Pombal”.

O que é um geotour?

O GeoTour também conhecido como Geoturismo é uma estrutura organizada com campanhas de marketing, com a entidade que criou o GeoTour e com a empresa detentora do site Geocaching. Isto permite promover o comércio e as atrações locais com as visitas dos geocachers (designação das pessoas que praticam geocaching). Através da caça ao tesouro, procurando as geocaches (caixas) escondidos ao longo de um trilho.

Recentemente no jornal de Pombal foi noticiado que um grupo de geocaching pretende promover o concelho de pombal a partir desta atividade – geocaching. Está notícia acaba por nos dar razão no sentido de se criar no nosso concelho um GeoTour para promover a nossa região. Podendo esta ainda ser integrada no projeto Geopark da Sicó.

Factos relativos ao Geoaching e GeoTour:

  • Os geocachers estão representados nos quatro cantos do mundo, em mais de 180 países;
  • Mercado alvo é robusto, com mais de 6 milhões de geocachers em todo o mundo.
  • O Geocaching atinge pessoas de todas as faixas etárias, indo de jovens em idade escolar a adultos e reformados;
  • Mais de 70% dos geocachers têm um rendimento médio que ronda os 44.000€/ano e muitos deles possuem formação superior.
  • Muitos geocachers planeiam muita da sua vida e período de férias em função desta atividade, sendo este um fator preponderante na altura da tomada de decisão na marcação do local de férias – (quer nas férias “grandes”, quer em pequenos fins-de-semana).
  • GeoTours comercializam e divulgam o seu destino através de uma página de internet dedicada.
  • GeoTours têm uma componente integrada na economia local.
  • GeoTours oferecem um retorno seguro sobre o investimento.

Por tudo isto nós continuamos a defender esta solução para o nosso concelho. Uma forma de promover o turismo ao ar livre e conhecer Pombal desde a serra até a praia.

Filipe Lopes

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *